GD Virtual - Sites e Sistemas Inteligentes
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Publicidade

MAIS DE 2.000 MIL EMPREGOS

Dados demonstram 2017 como ano recordista em geração de vagas em Votuporanga

Publicado em: 29 de janeiro de 2018 às 06:57

Votuporanga teve o melhor desempenho da história em geração de empregos no ano de 2017. Dados do Ministério do Trabalho, por meio do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), divulgados nesta sexta-feira (26/1), comprovaram o recorde que já vinha sendo registrado mês a mês durante o ano passado, com a geração de 2.081 novos empregos formais.Foram registradas 11.395 admissões contra 9.314 desligamentos, o que confere ao município o expressivo número de mais de 2 mil novas vagas com carteira assinada. Esse desempenho coloca Votuporanga na 7ª posição no ranking dentre os 645 municípios do Estado, com variação superando as maiores cidades paulistas, inclusive a capital. "Com variação melhor que a nossa, que foi de 9,32, só os municípios que possuem uma estrutura econômica diferenciada, cujos números se devem, principalmente, ao setor agroindustrial e tecnológico", destaca Piacenti.Já o cenário nacional foi totalmente diferente da realidade registrada em Votuporanga. Na maioria absoluta dos municípios brasileiros, as demissões superaram as contratações em 328.539 vagas, desempenho que fez o país fechar o ano com um déficit de 20.832 empregos.

Dezembro

Em meio aos dados do ano todo, o Caged divulgou também os números referentes ao desempenho das contratações e demissões do mês de dezembro. Votuporanga registrou uma ligeira queda, porém, nada que prejudique o índice geral de 2017. Foram 692 admissões contra 727 demissões, uma diminuição de apenas 35 vagas."Geralmente, todo mês de dezembro apresenta números negativos, puxado pelo desempenho do setor da Construção Civil, quando é alto o número de obras concluídas em vários municípios; e, como Votuporanga é polo regional, o atendimento a estas pessoas é feito pelo nosso Posto de Atendimento ao Trabalhador. Portanto, numa análise mais circunscrita, as demissões não estão necessariamente ligadas ao perímetro de nosso município e sim, à toda região", explica o secretário de Desenvolvimento Econômico, Flávio Piacenti Junior.



Publicidade