GD Virtual - Sites e Sistemas Inteligentes
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Publicidade

ALUNA DO INSTITUTO FEDERAL DE VOTUPORANGA GANHA BOLSA INTERNACIONAL

Ana Luiza de Souza Brito vai estudar grátis em Portugal em 2018

Publicado em: 01 de dezembro de 2017 às 13:02

ALUNA DO INSTITUTO FEDERAL DE VOTUPORANGA GANHA BOLSA INTERNACIONAL
A aluna do curso de Engenharia Civil do Instituto Federal – Câmpus Votuporanga Ana Luiza de Souza Brito foi a primeira colocada na Chamada nº817/217 da Assessoria de Relações Internacionais – ARINTER do IFSP. Um tipo de seleção entre os estudantes.

A chamada era destinada a alunos regularmente matriculados em cursos superiores de licenciatura (letras e ciências biológicas) e bacharelados (administração, agronomia e engenharias) do IFSP que desejassem cursar componentes curriculares no Instituto Politécnico de Bragança (IPB), de Portugal.

Cada câmpus do estado pôde selecionar até dois candidatos, os quais disputaram duas vagas com os candidatos de outros câmpus. O critério de seleção era, basicamente, o IRA – Índice de Rendimento Acadêmico, ou seja, os alunos que possuíam as maiores médias. A participação em projetos de ensino, extensão e pesquisa foram critérios de desempate.

Ana Luiza terá direito, além da bolsa de estudos na universidade, a benefícios como hospedagem em alojamento e alimentação no refeitório do Instituto Politécnico de Bragança, de forma gratuita, no período de duração do semestre (de 19/02/18 a 14/07 de 2018).

A aluna afirmou que, apesar de estar muito feliz, “a ficha ainda não caiu”: “Acho que essa é uma oportunidade única, muito rara nos dias de hoje aqui no Brasil. Além de proporcionar uma experiência de vida enorme, também é fundamental para o desenvolvimento acadêmico e profissional. Tenho certeza de que irei aproveitar ao máximo tudo o que esse intercâmbio tem para oferecer! Agradeço muito pelo apoio recebido da coordenadora do meu curso, Profa. Dra. Mara Regina Pagliuso Rodrigues, do representante local da Arinter, Prof. Dr. Eduardo César Catanozi, dos meus professores e dos servidores do câmpus”.

Além de Ana Luiza, outra aluna do câmpus, Lara Guizi, classificou-se em terceiro lugar. Para a Profa. Mara, coordenadora do curso de Engenharia Civil, oportunidades como essa são importantes porque o aluno em mobilidade de estudo tem contato com outra universidade, outros estudantes, outra cultura, vivenciando, dessa forma, outras realidades. Além disso, pode compartilhar, em seu regresso, novas experiências. E completou: “Nossos alunos são muito dedicados. Em especial, a Ana Luiza e a Lara destacam-se pelo rendimento acadêmico. Tenho certeza de que estão recebendo uma ótima formação no Instituto Federal e terão, ao longo da vida, inúmeras outras excelentes oportunidades semelhantes a essa”, completou.

Publicidade