GD Virtual - Sites e Sistemas Inteligentes
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Publicidade

HOMEM É PRESO EM JALES POR "PRENDER" MULHER EM CASA

Ela gritou e pediu socorro. Polícia encontrou vítima machucada

Publicado em: 10 de outubro de 2018 às 13:09

HOMEM É PRESO EM JALES POR
Foi preso em Jales na noite desta terça-feira, 9 de outubro, um empresário identificado como M.S. de 51 anos, encontrado pela Polícia mantendo uma jovem em cárcere privado por algumas horas, que estava sendo submetida a sofrimento físico e moral. Os fatos ocorreram por volta das 19h20, no Jardim Guarani. De acordo com informações obtidas pela reportagem do Jornal do Povo da Rádio Assunção FM, os policiais militares compareceram ao local após serem acionados por vizinhos que estavam ouvindo pedidos de socorro vindos da casa. Ao chegarem à residência a Polícia notou que as portas e janelas estavam fechadas, os policiais pularam o muro para entrarem e foram até os fundos, chamaram com insistência até que o autor abriu a porta.

Foi verificada pela Polícia a possibilidade de no local haver mais uma pessoa, foi quando a jovem J.B.C. de 26 anos, de Santa Fé do Sul, surgiu e apresentava diversas lesões pelo corpo.

Ainda segundo a Polícia, a jovem informou que havia aceitado uma carona do autor após pedir uma informação, ele teria levado ela para o local sendo que a mesma foi mantida trancada, sofrendo agressões físicas e psicológicas por mais de uma hora. A vítima relatou ainda que o empresário fez com que ela retirasse as roupas e teria tocado em seu corpo por diversas vezes.

A casa é desabitada e funciona como um depósito foi encontrado diversas manchas de sangue pela Polícia, que aprendeu diversos objetos que teriam sido usados para ameaçar a jovem, sendo um pedaço de madeira, três facas, escumadeiras e um garfo para churrasco.

A vítima foi encaminhada para atendimento médico na Unidade de Pronto Atendimento (UPA-24h) de Jales, ela apresentava ferimentos principalmente no rosto, sendo necessário mais de 50 pontos nos ferimentos.

O indivíduo teve voz de prisão decretada e foi encaminhado para Central de Polícia Judiciária. Devido aos fatos M.S. está preso em flagrante de delito e vai responder pelos crimes de lesão corporal, sequestro, cárcere privado e estupro, as investigações vão continuar pela Polícia.



(Rádio Assunção)

Publicidade