GD Virtual - Sites e Sistemas Inteligentes
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Publicidade

Voluntários se unem para ajudar Santa Casa

Leilão será no dia três de setembro, no Centro de Eventos da Paróquia Senhor Bom Jesus

Publicado em: 02 de junho de 2017 às 06:57

Voluntários se unem para ajudar Santa Casa
Mais do que uma estrutura hospitalar, a Santa Casa é formada por gente. Pessoas que atendem com seu melhor, pacientes que precisam de assistência e também de cidadãos abnegados que se dedicam a ajudar a Instituição. Nesta terça-feira (30/5), 30 voluntários se reuniram para, mais uma vez, promover ações em prol do Hospital. Na pauta, a organização do 4º Leilão de gado.
O leilão será no dia três de setembro, no Centro de Eventos da Paróquia Senhor Bom Jesus. O empresário Dimas Geraldo é o coordenador geral. “Nossa expectativa é grande. Votuporanga é muito solícita com a causa do Hospital, doando animais, dinheiro e, principalmente, participando conosco da festa. Somos muito gratos por estes últimos anos e com a oportunidade de colaborar com a Santa Casa, que atende muito bem nossa cidade e região”, afirmou.
Exemplo desta assistência humanizada é Moacir Moraes de Araújo Júnior. Moacir sofreu um acidente, permanecendo 30 dias na Instituição. “Eu estava instalando ar-condicionado em um prédio e cai de nove metros. Bati meu pescoço, quebrei meu maxilar e cortei minha jugular. Fui encaminhado pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) para Santa Casa, onde fiquei por 30 dias, sendo 11 na Unidade de Terapia Intensiva (UTI)”, contou.
Emocionado, ele se recorda com gratidão do atendimento prestado. “Temos que dar valor aos profissionais que estão no Hospital. Agradeço a todos, desde o setor de limpeza, enfermeiros, médicos. A gente fica muito frágil nestas condições e recebi muito amor, como se fosse da família. Fui atendido pelo Sistema Único de Saúde (SUS), mas com mesmo padrão de assistência particular. Só tenho a agradecer”, destacou.
Voluntário, José Curti também fez cirurgia recentemente na Santa Casa. “Fiquei um dia e meio internado, fui muito bem atendido, com ar-condicionado no quarto, acompanhante”, afirmou.
O presidente do Conselho Administrativo, Adauto Mariola, estava presente na reunião. “Estes testemunhos nos encorajam a seguir. Iniciativas como os leilões nos ajudam a salvar vidas e o trabalho dos voluntários é fundamental para levantar receitas”, disse.
No ano passado, a terceira edição arrecadou R$147.838,43 que foram utilizados para manutenção dos atendimentos. “Eventos como estes são essenciais para garantir nossa assistência humanizada. Recebemos repasses dos governos, muitos em atraso, e estas iniciativas fazem a diferença em nosso orçamento. A comunidade é a principal parceira do Hospital e reconhecemos cada abnegação, cada trabalho voluntário, cada doação para nossa Instituição. Vocês são nossa força para uma saúde de qualidade e para a sobrevivência de nossa Santa Casa”, enfatizou o provedor Luiz Fernando Góes Liévana.

Publicidade