GD Virtual - Sites e Sistemas Inteligentes
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Publicidade

Inaugurada modernização da escola Neyde Tonanni Marão

A escola passou ter área de 4.330,18 metros quadrados, sendo que 2.316,84 metros quadrados foram construídos

Publicado em: 14 de junho de 2016 às 13:14

Inaugurada modernização da escola Neyde Tonanni Marão
O prefeito Junior Marão inaugurou nesta sexta-feira (10/6) a obra de ampliação e modernização da unidade que se tornou a maior escola de sua gestão: o Centro de Educação Municipal (CEM) “ProfªNeydeTonanniMarão”, no bairro Estação. A escola passou a contar com área de 4.330,18 metros quadrados, sendo que 2.316,84 metros quadrados foram construídos, o restante é reforma.

Marão falou que a ampliação da unidade foi a mais aguardada pela população. “Estamos inaugurando a 22ª escola ou creche que ampliamos, reformamos ou construímos na nossa gestão. Esta foi uma dos maiores investimentos, para dobrar o tamanho”, disse.

O chefe do Poder Executivo ressaltou que a educação é um dos maiores investimentos de sua gestão. “Nesta semana, a Revista Exame divulgou ranking e Votuporanga é a 39ª cidade mais inteligente do país e isso se deve aos investimentos em vários segmentos, inclusive educação. Apostamos na valorização dos profissionais, em melhorias físicas, materiais pedagógicos e esperamos que fique este legado”, comentou.

Sobre a homenagem à sua mãe, que dá nome à instituição, Junior Marão falou do orgulho. “Minha mãe teve seu nome ligado à educação e tudo que faço na área é em sua memória”, afirmou.

Representando a família, Carlinhos Marão – irmão de Junior Marão e filho de Neyde – disse da vocação de sua mãe na sala de aula. “Ela se dedicou de corpo e alma para o magistério. Estamos felizes de seu nome estar perpetuado em uma escola maravilhosa. Queria agradecer a Sandra Toscano, autora do projeto que denomina a unidade de NeydeTonanniMarão, Carlão Pignatari – prefeito na época da inauguração, Junior Marão, a secretária da Educação, Silvia Rodolfo e todos os envolvidos”, complementou. A irmã de Neyde, Nilza Tonanni, estava presente.

Por sua vez, a secretária da Educação, Silvia Rodolfo, falou da necessidade de ampliação da unidade. “Houve esforço para que a escola estivesse padrão de qualidade, atendendo a comunidade local que merece este espaço. O CEM está com uma infraestrutura diferenciada, com recursos pedagógicos e tecnológicos de primeiro mundo, além de uma equipe capacitada e qualificada”, disse.

A diretora do CEM, Cristiane Ivaldi, reforçou o objetivo de um ensino de qualidade.

O vereador Emerson Pereira – representando a Câmara Municipal – parabenizou o prefeito pelo investimento, que irá beneficiar a população do setor sul da cidade.

A obra

A unidade chama a atenção pelo complexo educacional.O prédio possui dois andares envolvendo novas salas de aula, quadra de esportes e laboratório.Na parte de cima, foram construídas duas salas de aula, uma de artesanato, uma de informática, uma sala multifuncional com laboratório de ciências e multimídia, sala de leitura e dois banheiros adaptados para portadores de necessidades especiais. O investimento também reformou cinco salas de aula, bebedouros e sanitários. No total, são 13 salas de aula no piso superior.

No anexo à quadra, foram feitos vestiários e banheiros. Em cima, foram construídas três salas para utilização do projeto Tempo Integral.

O CEM “ProfªNeydeTonanniMarão” possui, no térreo, cozinha experimental, mais duas salas de aula, banheiros, despensa, lavanderia, salas de músicas, histórias,culinária, além de uma casa para o zelador.

Para garantir acessibilidade aos alunos, a Prefeitura de Votuporanga fez 197,30 metros quadrados de rampas dotadas de grade de proteção, assegurando segurança aos estudantes.

O investimento foi deR$ 2,5 milhões em recursos próprios. A unidade atende atualmente 280 alunos de seis a 10 anos dos bairros Palmeiras I,Matarazzo, Estação, Sonho Meu e Monte Alto.Com a ampliação, a capacidade pode chegar a 400 estudantes.



Sobre a homenageada

Nascida em Planalto/SP, em 4 de abril de 1933, NeydeTonanniMarão colou grau em Pedagogia, em 1968, pela Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Mogi das Cruzes. Lecionou em Olímpia, Indiaporã e Ribeiro dos Santos, vindo depois para Votuporanga, exercendo a docência no antigo Grupo Escolar do Jardim Alvorada, depois na EEPG ProfªUzenir CoelhoZeitune e EEPSG Profª Maria Izabel Martins de Oliveira até o dia de sua aposentadoria, em setembro de 1982. De toda uma vida dedicada à Educação, destaca-se sua abnegação em prol das crianças em Votuporanga, cidade que adotou e onde viveu a maior parte de sua vida, sendo identificada até hoje por seus colegas professores e ex-alunos, como uma pessoa corajosa, alegre e de presença marcante. Em 1969, no dia 26 de julho, casou-se com o empreendedor Nasser Marão, outro grande apaixonado por Votuporanga, de cuja união nasceram Nasser Marão Filho (Juninho Marão) e Carlos Humberto Marão (Carlinhos Marão).

Tão nobre é o ofício que escolheu para seguir; ainda mais nobre a perfeição com a qual o executou. Ensinou aos seus filhos, seus alunos em tempo integral, muito mais do que as complicadas disciplinas da escola, ensinou-lhes, acima de tudo, a serem solidários para contribuírem na construção de um mundo melhor. E exemplificava suas lições, atuando com disposição no seio da comunidade católica, principalmente da Paróquia São Bento, sempre se envolvendo nos movimentos religiosos.

Na condição de integrante da Casa da Amizade do Rotary Club de Votuporanga, foi uma das idealizadoras do projeto que trouxe a lume a primeira edição do livro RECEITAS DE OURO, uma das obras mais cobiçadas e manuseadas pelas donas de casa votuporanguenses. Deixou gravada na história da CASA DA CRIANÇA uma permanente alegria de servir e foi uma das mais constantes MADRINHAS DO NATAL para os atendidos por aquela instituição. Dona Neyde e suas companheiras madrinhas desdobravam-se nos afazeres e buscavam na comunidade, pessoas que queriam voluntariamente amadrinharem as crianças assistidas pela entidade. No final do ano, para grande alegria da garotada, todos ganhavam uma grande sacola contendo vestuário, calçados e brinquedos.

Reconhecida por todos aqueles com os quais conviveu ao longo de sua vida, deixou como principal legado aos filhos a imagem de uma professora dedicada, competente e compromissada como formação do caráter daqueles que ensinava, como também a figura de uma pessoa simples, humilde e sempre disposta a ajudar.

Faleceu nesta cidade de Votuporanga, aos 64 anos, em 11 de novembro de 1997. Por iniciativa da vereadora Sandra Toscano, em 2002, com sanção e promulgação do prefeito Carlão, teve seu nome eternizado como patrona do então Centro de Educação Municipal do Bairro Palmeiras I.



Publicidade