GD Virtual - Sites e Sistemas Inteligentes
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Publicidade

Ex-Animador infantil pega 13,4 anos de cadeia por estupro

Vítima é criança de 4 anos, que morava na mesma casa do acusado em Votuporanga

Publicado em: 04 de março de 2020 às 15:59

Um homem que trabalhava como animador infantil se vestindo do personagem Fofão foi condenado ontem (3) a 13,4 anos de prisão por estupro de uma criança de 4 anos de idade em Votuporanga.

Ele está preso desde maio do ano passado, quando o crime foi descoberto após a menina reclamar de dores para a professora e chorar ao ir ao banheiro da escola. A pequena foi levada para a Santa Casa e a violência sexual constatada.

O condenado morava na casa com a mãe da criança e o companheiro dela, do qual era amigo de trabalho.

Na época, a criança chegou ficar na responsabilidade de avós, que moram em outro município, enquanto o processo seguia. Ao aplicar a pena o juiz de Votuporanga escreveu que o tempo de cadeia deve ser cumprido em regime fechado, por se tratar de crime hediondo (estupro de vulnerável).

TRECHO DA SENTENÇA

“...Do exposto, julgo procedente a denúncia, condenando ( ..........), nos autos qualificado, pela prática do crime dos arts. 217-A, caput, e 61, II, f, do CP. Aplico-lhe a sanção final, motivada, de 13 (treze) anos e 4 (quatro) meses de reclusão, a cumprir em regime inicial fechado, sem direito de apelar em liberdade, porque se trata de delito hediondo e assim vem respondendo ao processo. Seja recomendado. Em sendo interposto recurso por alguma das partes, expeça-se guia de recolhimento provisória. Sem custas, tendo em conta a aparente pobreza do sentenciado...”




Publicidade