GD Virtual - Sites e Sistemas Inteligentes
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Publicidade

Câmara de vereadores constrói estacionamento "gerador de energia"

Cobertura terá painéis para captar energia solar para consumo no prédio

Publicado em: 07 de julho de 2016 às 13:06

Câmara de vereadores constrói estacionamento
Aproveitando o período de recesso parlamentar, a Câmara Municipal de Votuporanga deu inicio a construção de um estacionamento para veículos que beneficiará o público em geral. O estacionamento será construído na Rua Colômbia, entre as Ruas Pará e Paraíba. O terreno é de propriedade da Casa Legislativa.

De acordo com presidência da Câmara Municipal o projeto visa à economia, e para isso serão instaladas na cobertura do estacionamento, placas para a captação de energia fotovoltaica. “Com a captação de energia solar a Câmara Municipal será autossuficiente no abastecimento de energia, e isso gerará uma economia significativa por mês. Trata-se de uma obra que visa à sustentabilidade deste parlamento”.

A Câmara Municipal será a primeira instituição pública, em Votuporanga, a executar um projeto como este. Para isso, segue os conceitos de construção sustentável que já está sendo utilizada em novos prédios públicos e privados em outras cidades do país, e que, visam também a economia. Esta obra está dentro dos conceitos contemporâneos de arquitetura urbanística. Vale ressaltar ainda que se a Câmara não consumir toda a energia gerada pelo equipamento, o excesso será transformado em crédito junto à empresa de abastecimento elétrico.

Serão 25 novas vagas para veículos, inclusive com espaços para deficientes físicos e idosos. Para a construção, a Câmara Municipal abriu licitação, a qual foi divulgada no Diário Oficial do Município e está de acordo com as normas legais estabelecidas.

A presidência ainda informou que a construção do estacionamento é necessária devido aos eventos que a Câmara recebe. “É preciso aumentar o número de estacionamentos, porque recebemos diversos tipos de eventos e há certa frequência de público. Portanto a ampliação se tornou necessária”.

É importante ainda ressaltar que a obra está dentro do planejamento orçamentário da Câmara Municipal, tendo em vista que, apesar dos investimentos, já foi devolvido aos cofres públicos mais de um milhão de reais na gestão da atual mesa diretora. “Só foi possível a devolução deste dinheiro a Prefeitura, graças aos demais vereadores que economizaram. Agradeço a todos eles pela colaboração”, finalizou a presidência da Câmara.



Reaproveitamento de água

Há ainda outro projeto que está em andamento na Câmara Municipal que diz respeito à construção de uma estrutura especifica para a captação de águas pluviais que também trará economia para esta Casa de Leis.



Publicidade