GD Virtual - Sites e Sistemas Inteligentes
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Publicidade

Santa Casa de Votuporanga faz primeira cirurgia de modalidade oncológica

A paciente de 46 anos que era portadora de câncer de reto manteve um ótimo quadro clínico e já recebeu alta

Publicado em: 16 de abril de 2017 às 19:33

Santa Casa de Votuporanga faz primeira cirurgia de modalidade oncológica
A cirurgia de retossigmoidectomia realizada pela primeira vez na Santa Casa de Votuporanga é um procedimento oncológico, que consiste na retirada de tumor colorretal. O procedimento cirúrgico teve a participação de um médico cirurgião do trauma e oncológico, uma cirurgiã oncológica, dois cirurgiões do aparelho digestivo, dois anestesistas e uma instrumentadora. A cirurgia foi realizada após a autorização do convênio da paciente.
De acordo com o médico cirurgião oncológico, João Victor Marangoni, a escolha do uso dessa técnica proporciona diversos benefícios ao paciente. “O tempo de internação pós-cirúrgico é mais curto, a dor durante o pós-operatório é menor, a visualização de estruturas nobres intra-abdominais é mais adequada, o que proporciona uma baixa morbidade pós cirúrgica, e consequentemente, um menor período de recuperação para que o mesmo volte a executar suas atividades habituais ou a realização de algum tratamento complementar”.
Após a cirurgia, a paciente de 46 anos que era portadora de câncer de reto manteve um ótimo quadro clínico e já recebeu alta hospitalar. O procedimento realizado pela primeira vez no Hospital comprova a qualidade da estrutura física e dos profissionais que atuam no serviço.
“Nossa missão é salvar vidas, por isso trabalhamos com empenho para atender a nossa gente com qualidade e humanização, buscando incansavelmente a melhoria dos serviços. Essa é mais uma conquista não só para o Hospital, mas também para as pessoas da cidade e região, evitando que o paciente necessite viajar para uma cidade mais distante para realizar uma cirurgia como essa. Sempre tive o sonho de um dia podermos oferecer um serviço oncológico aqui na Instituição, para que todos possam ser beneficiados.” Enfatiza o provedor da Santa Casa de Votuporanga, Luiz Fernando Góes Liévana.

Publicidade