GD Virtual - Sites e Sistemas Inteligentes
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Publicidade

Biomédico explica exames do coronavírus

São três métodos existentes no país para detectar o vírus COVID-19

Publicado em: 22 de maio de 2020 às 09:29

Biomédico explica exames do coronavírus
A realização de testes laboratoriais para identificar a COVID-19 é uma medida essencial para controlar e diminuir a transmissão do vírus, além de contribuir para o tratamento adequado do paciente.
O Laboratório BioExame, parceiro da Santa Casa de Votuporanga, está validado a fazer esses procedimentos, auxiliando no diagnóstico dos pacientes ambulatoriais e internados do Hospital.
O biomédico e proprietário do laboratório, Dr. Vladimir Menezes, explicou os três métodos existentes no país para detectar o vírus COVID-19. “Entender a fase da doença é o primeiro passo para escolher qual o teste a ser realizado”, afirmou.

1-Método RT-PCR

É considerado o padrão ouro no diagnóstico da COVID-19, cuja confirmação é obtida através da detecção do RNA do SARS-CoV-2 na amostra analisada. “É indicado para paciente sintomático, período em que o vírus está ativo no organismo (fase aguda), após esta fase ele não é mais detectado neste exame”, disse.

A coleta é feita na orofaringe e nasofaringe, locais onde o vírus fica alojado na fase aguda da doença. O exame deve ser coletado do 3º dia após o início dos sintomas até o 10º dia, após este período, o teste pode não mais detectar.

2-Testes Rápidos

Este exame detecta os anticorpos IgG e IgM, determinando se as pessoas foram expostas ao vírus, se está imune (cicatriz sorológica) ou com a doença. “Realizamos em pacientes que apresentaram sintomas brandos ou assintomáticos”, disse.

A sensibilidade e a especificidade do método variam de 86% a 99%, dependendo da marca do kit. “A coleta deve ocorrer pelo menos 10 dias após o início dos sintomas e é feita no sangue venoso pois a produção de anticorpos no organismo só ocorre depois de um período mínimo após a exposição ao vírus”, complementou.

Dr. Vladimir ressaltou que a vantagem é a obtenção de resultados rápidos para a decisão da conduta médica."Estes dois primeiros métodos são realizados pela BioExame".

3-Método Sorologia – ELFA

Exame utilizado para detecção de anticorpos IgA, IgM e IgG em pessoas que foram expostas ao SARS-CoV-2. Também determina se as pessoas foram expostas ao vírus, se está imune (cicatriz sorológica) ou com a doença. “Realizamos em pacientes que apresentaram sintomas brandos ou assintomáticos”, disse.

“O aparecimento de anticorpos IgA e IgM ocorre aproximadamente 5 dias após o início dos sintomas, enquanto IgG pode ser detectado após 14 dias do início dos sintomas”, complementou.

O provedor da Santa Casa, Luiz Fernando Góes Liévana, ressaltou a parceria. “Dr. Vladimir é um grande parceiro do Hospital. Neste momento de crise do Coronavírus, estes exames se tornam ainda mais importantes para nosso enfrentamento da doença, de forma rápida e responsável. Agradeço os profissionais do laboratório que estão trabalhando 24 horas”, finalizou.



Publicidade