Votuporanga
+15° C

Máx.: +17°

Mín.: +

Ter, 29.06.2021
GD Virtual - Sites e Sistemas Inteligentes
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Publicidade

UNIFEV adquire equipamentos para antissepsia

Dispensadores para higienização das mãos utilizado em cirurgias

Publicado em: 10 de julho de 2024 às 19:57

UNIFEV adquire equipamentos para antissepsia
Em busca de preparar os alunos dos cursos de Medicina e Enfermagem da Unifev para os desafios do dia a dia em grandes hospitais, os laboratórios do Câmpus Centro investiram na aquisição de quatro dispensadores automáticos Hands Scrub, indicados para antissepsia das mãos antes de procedimentos cirúrgicos.

Os equipamentos foram comprados da empresa Rioquímica e funcionam por meio de sensores, dispensando automaticamente o produto antisséptico, sem a necessidade de contato manual. Essa tecnologia contribui para a redução do risco de contaminações, promovendo maior segurança antes de procedimentos cirúrgicos.

De acordo com Carlos Eduardo Matos Borges, enfermeiro e executivo de contas da empresa responsável pelos equipamentos, os dispensadores são abastecidos com uma solução composta por álcool isopropílico e clorexidina 1%, desenvolvido para o preparo cirúrgico e antissepsia das mãos antes de procedimentos invasivos, oferecendo mais eficácia na limpeza, maior durabilidade e proteção, substituindo o uso das escovas cirúrgicas. “Os alunos não precisarão mais fazer a escovação das mãos e não utilizarão mais escovas, água e compressas em seus processos de antissepsia, então, a Instituição terá uma economia e uma melhoria na questão ambiental, já que não há geração de lixo hospitalar. O novo procedimento também oferece uma segurança maior para quem o usa, porque o produto dá 8 horas de efeito residual, reduzindo o risco de algum tipo de infecção”, esclareceu.

A auxiliar de laboratório da Unifev, Mirian Evangelista de Lima, explicou que a iniciativa visou proporcionar aos alunos uma experiência de aprendizagem ainda mais completa e próxima da realidade profissional, familiarizando-os com tecnologias que oferecem segurança e higiene durante o atendimento aos pacientes. “Os alunos encontrarão esse instrumento quando forem para a Residência Médica e estamos nos atualizando, acompanhando sempre as tecnologias que surgem em ambientes hospitalares, para manter nossos laboratórios como referência para os cursos da área da Saúde”, destacou.

A coordenadora do curso de Enfermagem, Profa. Ma. Rosana Duran, enfatizou que a aquisição reflete o compromisso da Unifev em oferecer aos seus alunos uma formação de excelência, utilizando recursos inovadores que garantem uma experiência de aprendizagem completa e alinhada às melhores práticas do setor. “Dentro da disciplina de Centro Cirúrgico, aplicada aos alunos do sexto período, ensinamos a escovação das mãos antes de entrar para a sala operatória. Esse equipamento veio com uma inovação, eliminando o uso da escova cirúrgica e oferecendo maior proteção”, completou.

A Profa. Ma. Juliana Corrêa Meziara de Castro, da disciplina Técnica Cirúrgica, ensinada no curso de Medicina, destacou que a novidade replica o que já é utilizado nos hospitais. “Todo médico cirurgião, todo enfermeiro que for realizar um procedimento, tem que fazer a antissepsia cirúrgica das mãos. A técnica antiga, que envolvia escova, enxágue e compressas, foi substituída por um produto inovador, já que a escova podia lesar a pele e causar um desequilíbrio da flora microbiana, gerando um prejuízo maior que o benefício. Esse novo método oferece diversas vantagens, como economia de tempo e material, além de um efeito de duração residual maior. Você consegue fazer um procedimento longo com maior tranquilidade”, explicou.

A professora acrescentou que os laboratórios da Unifev sempre fornecem aos futuros profissionais da área da saúde acesso às tecnologias mais recentes utilizadas em grandes hospitais. “É um produto de tecnologia avançada, presente nos centros cirúrgicos de grandes instituições, inclusive aqui em Votuporanga. É importante que ao ingressarem na prática profissional, os nossos alunos já conheçam essas técnicas”, encerrou.

Publicidade