GD Virtual - Sites e Sistemas Inteligentes
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Publicidade

Votuporanga tem 15 vagas para tratamento de usuários

Vagas para tratamento contra dependentes químicos homens

Publicado em: 18 de junho de 2016 às 11:00

Votuporanga tem 15 vagas para tratamento de usuários
Votuporanga oferece 15 vagas do sexo masculino para tratamento de dependentes químicos gratuitamente. Desde o começo do ano, o Município foi selecionado pelo Governo do Estado de São Paulo para o Programa “Recomeço”, que promove ações voltadas ao cuidado integral dos indivíduos com problemas relacionados ao uso de álcool e drogas, incluindo familiares e comunidade.

A iniciativa é da Secretaria Estadual de Desenvolvimento Social, que possui convênio com 54 Comunidades Terapêuticas em todo Estado para atendimento deste público. O Estado é quem seleciona como será a atuação destas instituições, que podem agir em caráter estadual, regional ou municipal. “Houve um trabalho de muito diálogo da Comunidade Nova Vida e Secretaria Municipal de Assistência Social para que nossa demanda fosse centralizada em Votuporanga e para que pudéssemos dar todo acompanhamento e tratamento necessário para os usuários de álcool e drogas da cidade”, explicou o assistente social da Comunidade Nova Vida, Odair Ferreira.

Qualquer morador de Votuporanga com problemas de álcool e drogas podem procurar o escritório da entidade, que funciona no mesmo prédio que o Centro de Atenção Psicossocial Álcool e Drogas (CAPS AD), na Rua Javari, 3587 – Vila Marin. “Marcamos uma triagem e depois o interessado passa por atendimento médico. Um dos critérios do programa é que o acolhido passe por avaliação com o profissional do CAPS”, disse.

O tratamento oferecido é de seis meses na Comunidade Nova Vida. “Traçamos o programa de acordo com o perfil do usuário. Verificamos o histórico, a cultura e qual ação se encaixa melhor, buscando o desenvolvimento nos aspectos psíquicos e sociais”, complementou.

A equipe participa de treinamentos constantemente. “Em seis meses, buscamos construir um novo modelo de vida com o acolhido, trabalhando na ressocialização e nos grupos de apoio”, disse.

A secretária de Assistência Social, Marli Pignatari, comemorou a conquista de Votuporanga receber o Programa. “Ele propicia condições para uma vida saudável e digna, auxiliando os atendidos a trilharem o caminho da recuperação. A iniciativa da Secretaria em atender este público de forma gratuita favorece ao acesso à cidadania, transformando vidas e possibilitando a reinserção social”, finalizou.

Publicidade